24 de out de 2009

= LÁPIDE =

De amor vivemos a vida inteira para entender e quando entendemos estamos gastos de mais para que alguém nos ame.
Vida madrasta!
O mundo não envelhece e assimila todos os conhecimentos que alcançamos e o brinde que levamos – uma placa de mármore na qual não podemos escrever nossas próprias idéias.
Somos o que podemos dentro do que nos julgam e morremos com idéias alheias pesando num esqueleto que precisamos abandonar . E tudo o que fomos de real serve para dar vida a plantas mudas.
Conclusão: a palavra é um erro



02/12/1994
Claude Saint Laurent

Nenhum comentário: