24 de out de 2009

= Nº 6 =

É saudade, é vontade é desejo.
De abraço apertado, cabeça no ombro
Face recostada ao peito,
De respirar junto a pele,
Mordiscar o pescoço,
De gemer no ouvido.
De estar grudada boca na boca,
Quando não sei mais qual boca é a minha
Qual lábio é o seu...
É saudade, vontade, desejo.
De ouvir voz rouca oferecendo prazer
De te ver estática, extasiada
Recebendo o prazer
Quando não sei mais
Qual prazer damos, qual prazer recebemos...
Saudade, vontade, desejo.
De provar seu gosto, sentir seu cheiro
Quando sei que o seu gosto me enleva
O seu cheiro me leva
Por caminhos que não mais sei
Se é vontade
Desejo
Ou Saudade
Os caminhos que não sei ou não sabia
De certo conhecia

Nenhum comentário: