22 de mai de 2014

 NO MOMENTO, POSTAGENS ENCERRADAS. CLIQUE PARA VISITAR O MEU NOVO ENDEREÇO

Casa de Fadas trazia a idéia de falar sobre o trabalho e a arte,  de diversas mulheres que eu curto e apresentar meus textos mais emocionais. Começando por Fernanda Young, tinha referências à Clarice Lispector, algumas frase de Lya Lufty.
Não fui muito fiel ao projeto inicial e ficou sendo o meu blog mesmo, onde eu  evitava contar episódios pessoais, partindo para uma linha romanceada de ensaios de ficção baseados em observações da vida real. É sempre frustrante não conseguir seguir diretrizes traçadas por nós mesmos, assim as postagens rareavam, o receio da exposição travavam o fluxo criativo e senti necessidade de outro espaço para extravasar minha porção rascante, pois a princípio todas as ilustrações dos textos do Casa de Fadas deveriam ser uma fada e não dá pra ter mal humor no reino elemental, nem espírito crítico quando se trata de sonhos.

Nenhum comentário: