4 de abr de 2008

FELIZ


O imperfeito anda à sombra dos olhos.
O imperfeito é a sombra dos olhos.
Maquiagem, sombrancelha.
Feliz até perder de vista.
Criando o que dá na telha,
Na platéia, sou mais um artista
***
E quando a bomba explodir
Tudo der errado e todos rirem de mim
Estarei bem porque fui feliz!
Vivi em tempo e plenitude
Não dou ouvido ao que diz:
Tanto fez ou tanto faz
"Vida nada me deves, estamos em paz!"

Nenhum comentário: