14 de abr de 2010

A Fada que Saiu do Sério...


Perfil de abril do meu orkut
Sr.Jorge Roberto da Silveira, tsunami, terremoto é a P*QueTePariu! 
O nome da tragédia  niteroiense é DESCASO. IRRESPONSABILIDADE! FALTA DE COMPROMISSO COM O ELEITOR. FALTA DE AMOR À POPULAÇÃO!
Isso era uma tragédia anunciada e se o sr. não sabia, talvez seja porque não saiba ler. Porque não dá importância ao que ler. Porque talvez pense que pessoas não são importante, os votos das pessoa são importantes...
Todos na cidade sabiam, mas se a prefeitura asfalta o lixo, ignora os avisos e substabelece o terreno inadequado, ou simplesmente  não faz qualquer avaliação geológica, geográfica antes de executar uma obra pública de que chamaremos isso senão de no mínimo descaso, desprezo ou no mínimo incompetência. Nenhuma das opções o eximem de responsabilidade como quer o senhor fazer crer nessa entrevista:
Prefeito de Niteroi faz comparações...
Quem menos tem culpa nisso são as intempéries climáticas.
#ACORDA NITERÓI!!
#SE MANCA RIO!
Chega revitalizações de fachada! Benefício pra quem? Hein?

1- PENSO EM VOZ ALTA:
Rio de Janeiro: No fim de tudo os políticos acusam o povo que eles não defendem nem lhe causam verdadeira preocupação.
Desabafo pouco humorado e pouco glamuroso no blog: PENSO EM VOZ ALTA
O povo é sempre o culpado pelas tragédias, sejam quais forem as origens tanto da tragédia quanto do povo. Se os desabamentos tem uma explicação tão lógica …

AGRADECIMENTO
Agradeço aos amigos que compareceram ao almoço beneficente na quadra da Estácio. Meu carinho enorme também para os que compraram convites e por motivos vários não puderam ir. Nossa cidade passa por um momento difícil onde as fragilidades antigas, dificuldades do povo e desigualdades estão sendo expostas como feridas. O descaso daqueles que deveriam zelar pela cidade maravilhosa está evidente como radiografia de uma doença ruim assistida com indiferença, sem nenhuma dose de amor. Por isso me comove ver pessoas que contribuem com a sociedade antes que  mal aconteça. Essas pessoas são especiais, sensíveis e buscam fazer a sua parte, assim quero dizer que não existe parte pequena quando há um conjunto onde esforços somados dão resultados. 
Agradeço também por confiarem em mim, apreciarem o trabalho que venho fazendo formiguisticamente,  isso é algo sem preço e que jamais poderei retribuir a não ser tentando levar a bom termo as causas nas quais colaboro doando o meu trabalho, minhas horas livres e um pouquinho do pouco talento que Deus me deu.
Você são grandes!


Minha forma de agradecer: A partir do dia 15/04 iniciarei uma novena para São Jorge que terminará dia 23 missa de São Jorge, no Centro - RJ. 
A cada dia de oração vamos sintonizar nas melhores coisas  para amigos, que estão a seu modo contribuindo para o bem do próximo e lutando contra o dragão do egoísmo e da indiferença. 


Se desejar participar, ainda que virtualmente, deixe um depo ou scrap. A oração e o pensamento positivo deve ter sido a primeira ferramenta de mídia virtual que a humanidade criou.
Eu não tenho religião. Eu acredito em Deus e em tudo que Ele na sua bondade nos deixa como recurso para superarmos as dificuldades em que nos metemos.
Obrigada, beijo grande a todos.

*************************
Tudo pode ser, se quiser será
O sonho sempre vem pra quem sonhar
[b]Tudo pode ser, só basta acreditar
Tudo que tiver que ser, será
Tudo que eu fizer
Eu vou tentar melhor do que já fiz
Esteja o meu destino onde estiver
Eu vou buscar a sorte e ser feliz
Tudo que eu quiser
O cara lá de cima vai me dar
Me dar toda coragem que puder
Que não me falte forças pra lutar
Vamos com você
Nós somos invencíveis, pode crer
Todos somos um
E juntos não existe mal nenhum
Vamos com você
Nós somos invencíveis, pode crer
O sonho esta no ar
O amor me faz cantar, faz cantar
Lua de cristal
Que me faz sonhar
Faz de mim estrela
Que eu já sei brilhar
Lua de cristal
Nova de paixão
Faz da minha vida
Cheia de emoção

FELIZ PÁSCOA, RENASCIMENTO, PAZ E LUZ PRA TODOS QUE AQUI PASSAREM!
MEU CONFLITO:
"O pior dos problemas da gente é que ninguém tem nada com isso" (Mário Quintana)

Nenhum comentário: